FanFic Nacional
Inscreve-te no fórum para teres acesso a comentários, galerias e votações.

Tokyo Angel's Friends - TMM/AF

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Tokyo Angel's Friends - TMM/AF

Mensagem por Eleanor_Devil em Sex Set 21, 2012 6:58 pm

Olá a todos! Então aqui está uma das minhas fanfics que deve ser das mais famosas que devo ter escrito até agora! É um crossover entre o anime Tokyo Mew Mew e o cartoon italiano Angel's Friends. Basicamente a maior parte dos capítulos são os episódios das Tokyo Mew Mew mas com um toque meu e umas belas mudanças à mistura XD. A história é composta por 26 capítulos (bom tecnicamente 25 porque o capítulo 5 está dividido em 2 partes por ser extremamente longo...) um aviso é que quase todos os capítulos desta fanfic chegam ate às 5.000 palavras x_x agora estão a ver a minha tortura quando a estou a traduzir ao mesmo tempo para italiano, ingles e espanhol...

Bom aqui está o primeiro capítulo!



Tokyo Angel's Friends

Capítulo 1 - Destino: Tóquio!


POV Raf


Finalmente chegou...ah sim o dia em que tudo volta a começar! Ainda nem quero acreditar que as férias já acabaram mas não estou desapontada nem triste! Afinal vou voltar à Golden School, já passaram alguns meses desde que tivemos aquela batalha contra a Reina, passei estes últimos meses com as minhas melhores amigas a Urie, a Dolce e a Miki. A Urie e eu já somos amigas desde pequenas mas conheci a Dolce e a Miki quando comecei o meu primeiro ano na Golden School, passámos por tantas coisas juntas e já para não falar dos demónios!

É um pouco difícil de acreditar não é? É suposto nós, anjos, não nos darmos bem com os demónios mas a verdade é que ficámos grandes amigos! Apesar de saber que vamos voltar a ser rivais quando chegarmos à escola, isso não quer dizer que não nos demos bem certo? É estranho mas sinto a falta deles, sinto a falta das confusões que eles armavam contra nós, confusões que no fim nós acabávamos por aderir e divertir-nos também! Mas não vou negar...há uma certa pessoa de quem sinto muita falta...a pessoa com passei momentos que nunca irei esquecer...Sulfus...sim eu sei, ele é um demónio mas a verdade é que me apaixonei por ele e ele por mim...tentámos negar estes sentimentos mas foi bastante difícil até ao dia em que nos beijámos, foi um momento mágico para nós mas um momento horrível para os outros, quando nos beijámos provocámos o apocalipse, quase que destruiu por inteiro a nossa escola e a cidade e por isso sabíamos que não poderia voltar a acontecer, até porque fomos castigados por tal acto...mas eu amava-o mais do que tudo, um amor não se esquece assim de um momento para o outro!

"Raf! Vamos querida, está na hora de partires ou vais chegar tarde!" ouvi a voz da minha mãe a chamar-me, ah bem…está na hora de ir!

"Vou já, mãe!"

Fim da POV de Raf

Raf fechou o seu diário e arrumou-o dentro da mala que ia levar para a escola, trancou-a e voou para fora de casa mas não sem antes se despedir dos seus pais.

"Adeus mãe! Adeus pai! Vemo-nos daqui a uns meses!"

"Tem cuidado, meu anjo!"

"Não te preocupes!" e com isso voou em direcção ao portal que a levaria para a Terra, quando lá chegou estava uma grande fila mas ela sabia que ia ser rápido até chegar a sua vez.

"Raf! Aqui!" a jovem anjo virou-se e viu as suas três amigas, Urie, Miki e Dolce a chegarem à fila, ela esboçou um grande sorriso e as quatro abraçaram-se.

"Que bom ver-vos, meninas!"

"Ainda nem acredito que vamos regressar à escola! Por um lado estou excitada mas por outro estou triste porque não queria que estas férias acabassem..." disse Dolce, Raf e as outras duas riram-se.

"Anda lá Dolce, vais ver que não vai ser assim tão mau!" disse Miki

"Meninas, façam favor de avançar, uma de cada vez por favor" disse o porteiro, os quatros anjos pararam de conversar e de rir e caminharam para o portal, uma atrás da outra, Raf era a primeira mas antes de ir virou-se para as suas amigas.

"Vejo-vos no outro lado, daqui a uns minutos meninas!" e com isso entrou no portal...após algumas turbulências na viagem tal como lhe tinha acontecido da primeira vez mas desta vez não ficou nem zonza ou aterrou no meio da estrada ou foi quase "atropelada" por um camião apesar de agora saber que era invisível aos olhos ou objectos humanos.

"Phew, aterragem perfeita!"

"Tiveste sorte desta vez!" exclamou uma voz, Raf virou-se e viu quatros demónios encostados a uma parede, dois rapazes e duas raparigas. Um dos rapazes e a pessoa que tinha falado ainda há pouco, era alto, tinha cabelo azul-escuro quase preto, olhos âmbar e uma estrela vermelha em volta do seu olho esquerdo, roupas cinzentas escuras e um cinto mais ou menos de cor bege com uma caveira, os seus chifres e asas eram um vermelho brilhante, o outro rapaz não era nem muito baixo nem muito alto, era gordo, cabelo laranja e curto, os seus olhos não se viam pois estavam cobertos com uns óculos de sol, tinha uma camisola de manga curta lilás com um desenho de um sapo e as letras Emo Frog escritas, tinha umas calças de ganga e um cinto também com uma caveira, as suas asas e chifres eram azuis escuras, uma das raparigas tinha curto cabelo roxo escuro com uma madeixa vermelho vivo numa das pontas do seu cabelo, também tinha olhos âmbar, tinha brincos em forma de caveira e tinha um vestido roxo muito escuro e lilás com brilhantes, à volta da sua cintura estavam vários cintos cinzentos e finos, por debaixo da saia tinha uns colãs da mesma cor do seu vestido, as suas longas botas e luvas eram pretas, as suas asas e chifres eram vermelhos, a última rapariga e último membro do grupo tinha longo cabelo preto, com duas madeixas lilás nas pontas e parte da frente do seu cabelo, olhos vermelhos e vinha vestida com um top roxo e umas leggings rosa-choque e botas pretas, à volta da sua perna esquerda estava um desenho de um coração vermelho com ossos nas pontas, as suas asas e chifres eram rosa. Todos eles tinham acessórios como colares e pulseiras com espinhos à volta do pescoço, braços e até mesmo pernas. Raf imediatamente reconheceu os quatro demónios.

"Bem que bom ver-vos" disse ela ao aproximar-se do grupo, por ordem os elementos do grupo eram nada mais nada menos que Sulfus, Gas, Kabalé e Cabiria, os quatro sorriram para o anjo apesar de ela e Sulfus trocarem uns olhares diferentes e discretos um com o outro.

"Onde estão os outros anjinhos?" perguntou Cabiria mas mal acabou de fazer essa pergunta, dois anjos caíram do céu e estatelaram-se no meio do chão, uma em cima da outra

"Owww..." gemeram as duas

"Dolce! Miki!" disse Raf ao caminhar até às amigas e ajudar a levantá-las, Urie desceu com calma até ao chão, as outras duas estavam ainda meio zonzas, os quatro demónios começaram logo a rir-se perante a situação.

"Ow..eu nunca me vou habituar a este portal..." murmurou Dolce

"Ninguém te mandou ficares à espera que nós as duas descêssemos!" disse Urié

"Uh..pois..esqueci-me.." disse Dolce

"Sim graças a isso encalhámos as duas, uma na outra e foi o que foi!" resmungou Miki

"Vamos meninas já chega, é melhor irmos andando ou chegamos tarde" disse Raf

"Na verdade, disseram-nos para esperarmos aqui, porquê não faço a mínima ideia mas disseram que era o nosso grupo e o teu, Raf" disse Cabiria, os anjos olharam para o grupo dos demónios que assentiu e encolheu os ombros, confirmando o que Cabiria tinha acabado de dizer

"Ah que bom, já estão todos aqui" disse uma voz masculina, os dois grupos viraram-se e viram dois anjos e dois demónios a aproximarem-se deles, eram Arkhan o professor dos anjos, Gabi o antigo guarda-costas de Raf, Temptel a professora dos demónios e Misha a antiga guarda-costas de Sulfus.

"Professor Arkan, passa-se algo de errado? Porque razão nos disse para ficarmos aqui?" perguntou Raf

"Calma minha querida Raf, não há nada de errado simplesmente temos notícias a dar" disse Arkhan o que deixou tanto os demónios como os anjos bastante curiosos, o que seria a notícia tão importante?

"E que notícia é essa?" perguntou Kabalé, Temptel esboçou um sorriso e olhou para a sua turma

"Este ano vai ser diferente para vocês, este ano vocês não irão realizar o vosso estágio aqui mas sim em Tóquio"

"O QUÊEEEEEEEE?!?!" disseram ambos os dois grupos ao mesmo tempo

“M-Mas T-Tóquio n-não é do outro lado do planeta????” perguntou Dolce ainda chocada com a noticia, Arkhan assentiu como resposta à sua pergunta

“É verdade Dolce mas é por isso que vocês vão partir de imediato, ainda é bastante cedo embora a viagem demore cerca de 15 horas e nós temos sete horas a menos do que eles, ou seja, neste momento são três da tarde em Tóquio. Se partirem agora mesmo são capazes de chegar lá por volta das seis da manhã.” (eu sinceramente não sei se esta informação está correcta, não sei exactamente quanto tempo demora uma viagem desde Itália até ao Japão e quantas horas de diferença são)

“Seis da manhã?!” disse Gas

“Exactamente, quando chegarem estarão à vossa espera um anjo e um demónio para vos levarem aos vossos dormitórios. Por volta das 9 da manhã em Tóquio começarão o vosso trabalho como anjos e demónios da guarda” continuou Temptel

“Hum Professor Arkhan só mais uma pergunta, o que estão a Misha e o Gabi aqui a fazer? Vão acompanhar-nos?” perguntou Raf

“Sim Raf mas desta vez eles também serão anjo e demónio da guarda. Apesar de já terem completado todos os estágios eles precisam de passar num teste por isso é como se voltassem ao mesmo estágio que vocês” explicou Arkhan, Raf assentiu em compreensão. Alguns momentos depois a autosfera apareceu e pairou a uns centímetros do chão, parecia ser uma espécie de autocarro só que, claro, era para os anjos e os demónios.

“Muito bem seus anjinhos e demónios está na hora de partirem” anunciou Temptel, os dois grupos obedeceram e entraram na autosfera, uma vez instalados lá dentro, do lado esquerdo e sentados em cadeiras prateadas estavam os anjos e do lado direito, sentados em cadeiras vermelhas estavam os demónios. Temptel e Arkhan ainda entraram dentro da autoesfera com uns quantos livros nas mãos, a demónio distribuiu os livros aos seus alunos enquanto Arkhan fez o mesmo com os seus. Os dois grupos olharam para os livros confusos mas ao mesmo tempo curiosos, não entendiam patavina do que estava escrito na capa! Temptel e Arkan riram-se perante as caras que os seus alunos fizeram.

“Isto vai servir para os entreter durante a viagem para Tóquio, são livros que vos vão ensinar o básico das palavras japonesas” disse Temptel

“Apesar de quando amanhã começarem o vosso novo estágio, os vossos novos professores irão implantar um feitiço nas vossas mascotes que vos vai permitir falar e ao mesmo tempo entender a língua japonesa sem qualquer preocupação, tal como a professora Temptel disse é apenas um livro que vai servir para vos entreter durante a viagem e matar alguma curiosidade sobre como se diz algo que pretendam saber em japonês.” Continuou Arkhan, após dizerem adeus aos seus alunos, os dois saíram da viatura e ficaram a vê-la partir em direcção ao céu.

Aos poucos a curiosidade começou a despertar tanto nos anjos como nos demónios, ambos começaram a abrir os livros e a folheá-los, enquanto uns gozavam com certas palavras, outros estavam mais interessados em descobrir ainda mais palavras.

“Olha, encontrei como se diz ‘olá’!” disse Dolce apontando para a palavra no livro, as outras anjos olharam e tentaram pronunciar a palavra correctamente

“Konniciwa?” tentou Miki, os demónios começaram a rir-se perante a tentativa falhada da anjo a pronunciar a palavra, Raf não achou muita piada a isso e desafiou-os

“Ai estão a rir-se? Então experimentem lá pronunciar uma palavra!” os demónios sorriram perante o desafio, Sulfus foi o primeiro a falar

“Muito bem, anjinho, chuta aí uma palavra e vais ver como nós a sabemos pronunciar melhor que vocês!” Raf olhou para o livro e folheou-o, no entanto não estava a encontrar nenhuma palavra de jeito, por sua vez Urié encontrou a palavra “perfeita” e voltou-se para os demónios

“Ok então como se diz ‘Gosto de ti’?” os demónios olharam para a palavra no livro, Gas foi logo o primeiro a tentar

“Oh, oh! Eu sei, eu sei! É ‘Shuuki da yoru’!” tantos os anjos como os demónios desataram a rir perante a maneira como o demónio havia dito a palavra “O que foi?” Sulfus tentou parar de rir e colocou uma mão sobre o ombro do seu parceiro

“Gas, Gas…tu colocaste letras onde eles não existem, a palavra diz-se ‘Suki da yo’, não ‘Shuuki da yoru’, como vês não existe nenhum ‘h’ e duplo ‘u’ na primeira palavra, nem nenhum ‘ru’ na última”

“Ohhhhh” os anjos e os demónios continuaram a explorar as palavras, no entanto quando Raf discretamente pousou os seus olhos azuis sobre o demónio de cabelo azul-escuro, reparou que este, com os seus olhos penetrantes e âmbar, também olhava para ela. Rapidamente tentou desviar o olhar mas antes disso reparou que ele estava a apontar com um dedo para uma certa palavra enquanto um sorriso lhe aparecia nos lábios e depois mexeu-os como se estivesse a pronunciar a palavra só que nenhum som saiu da sua boca, a jovem anjo rapidamente viu a página em que ele estava e folheou discretamente o livro até chegar a essa página, deslocou o dedo até encontrar a palavra que ele indicava e quando viu o que era e o que significava, Raf podia jurar que sentia as suas faces a ficarem vermelhas, voltou a olhar para Sulfus que lhe sorriu de maneira matreira antes de voltar o seu olhar de novo para o livro, a anjo voltou a pousar o seu olhar sobre a palavra…

Ai Shiteru – Palavra usada pelos apaixonados, significado: Amo-te

“Oh, Oh! Encontrei! Encontrei como se diz anjo!!” disse Dolce de maneira excitada, as outras anjos olharam para a palavra

“Enjeru é como se diz traduzido à letra mas a forma mais correcta é Tenshi” disse Gabi, Misha esboçou um sorriso matreiro enquanto procurava uma palavra

“Akuma…” disse ela, todos se voltaram para ela, sem entenderem o que ela queria dizer com aquilo

“Aku quantas, Misha?” disse Cabiria, completamente confusa

“Akuma é como se diz demónio em japonês” explicou ela “Mas tal como anjo traduzido à letra é Enjeru, também demónio tem e é Debiru”

“Debiru…soa um pouco estranho” disse Gas, Cabiria revirou os olhos e abanou a cabeça antes de se virar para ele

“É japonês, sua cabeça-de-vento estavas à espera de quê?” o demónio de cabelo laranja simplesmente fez uma cara de confuso como quem continuava a perceber o que se passava, Cabiria percebeu que nem valia a pena gastar o seu precioso tempo com uma cabeça no ar como ele, por isso revirou os olhos de novo e voltou a sentar-se de novo na sua cadeira.

“Hum alguém percebeu a parte dos títulos honoríficos..? Já reli essa parte diversas vezes e continuo sem entender…” disse Miki, Gabi olhou para a página que falava sobre o assunto que Miki tinha referido e esboçou um sorriso antes de responder à dúvida da anjo.

“Acho que te consigo ajudar nessa parte. Os títulos honoríficos no Japão são usados quando nos dirigimos a alguém ou quando falamos sobre alguém com respeito. Quando usados são sempre colocados após o nome ou sobrenome dessa pessoa, depende a quem te diriges. Existem vários tipos de honoríficos mas o mais usados são o: San, Chan, Kun, Sensei, Sama e Shi.” Explicou ele, todos, até mesmo os demónios olharam para ele surpresos por ele saber tanta coisa só por ler aquela página, quem não achou muita piada foi Sulfus…nunca tinha gostado muito daquele anjinho…

Gabi não se apercebeu do olhar fuzilador que Sulfus lhe lançava e por isso continuou a explicar “O honorífico “San” é o mais comum entre as pessoas e provavelmente até o mais conhecido. Este honorífico pode ser usado tanto para homem como para uma mulher e quando usado, referimo-nos a alguém, digamos do mesmo nível que nós. Por exemplo para a Miki, quando me dirijo a ti refiro-me a ti como ‘Miki-san’.”

“O honorífico ‘Kun’ assim como o ‘San’ é também dirigido a alguém do nosso nível, no entanto este é usado para as pessoas masculinas. Por exemplo para tratarmos o Sulfus e o Gas, seria ‘Sulfus-kun’ e ‘Gas-kun’” continuou ele, Gas mostrou-se interessado, ao contrário de Sulfus que preferiu ficar de braços cruzados e voltado para a janela, Gabi continuou com a sua explicação “O ‘Chan’ é usado para demonstrar informalidade, confiança, afinidade ou segurança para com a pessoa que falas ou que te estás a referir, não tem que ser obrigatoriamente para o feminino.”

“Os outros três já são mais formais, o ‘Sensei’ é usado para pessoas como professores, normalmente os professores de artes marciais, doutores e escritores muito conhecidos assim como pessoas com grandes conhecimentos. ‘Sama’ pode-se dizer que é uma versão formal de ‘San’, é usado para pessoas com grandes posições ou muito importantes como imperadores ou deuses, por exemplo ‘Princesa’ seria ‘Hime-sama’. O ‘Shi’ é mais usado em cartas, documentos legais, diários ou jornais e normalmente refere-se a pessoas a quem o sujeito que escreveu a carta não conhece pessoalmente.”

“Entendo…não sabia que entendias tanto de japonês, Gabi” disse Miki, Gabi apenas deu de ombros, Sulfus deu o seu melhor para resistir a revirar os olhos. A viagem continuou, tal como Arkhan e Temptel tinham avisado, durante looooongas horas, já era pôr-do-sol , alguns já tinham colocado os livros de parte de descansavam, outros apenas viam a vista pela janela e outros já dormiam…

Gas bocejou com um ar aborrecido “Já chegámos…?”

“Não, Gas…” responde Kabalé enquanto ouvia música no seu MP3

Não muito tempo depois…

“Já chegámos?”

Desta vez foi Sulfus, que apenas olhava para o lado de fora da janela que respondeu “Não”

1 minuto depois…

“E agora?”

“Já” disse Cabiria

“A sério?”

“Não!” responderam os outros quatro demónios ao mesmo tempo num tom aborrecido, Gas amuou

5 minutos depois…

“E agora já chegámos?”

“GAS!” gritaram, desta vez até os anjos o fizeram, já estavam todos a ficar fartos da mesma pergunta do demónio. Desde aí, Gas não abriu mais a boca, ficou calado assim como o resto do grupo, não havia nada de especial para dizer, no máximo dos máximos a única coisa que se ouvia era a música que Kabalé ouvia.

Assim que o sol desapareceu e a lua se ergueu, o sono começou a possuir tanto os anjos como os demónios, um por um, até que nenhum deles estava acordado…nenhum quer dizer…à excepção de um certo demónio de cabelo negro, os seus olhos âmbar fixos apenas em algo, ou melhor, numa única pessoa…um certo anjo de cabelo loiro que dormia pacificamente sobre a sua cadeira…ele hesitou por um momento mas acabou por ceder, retirou a manta que cobria ele e Gas e levantou-se da cadeira vermelha. Com cuidado ele caminhou até ao anjo e ajoelhou-se, apoiando os seus braços levemente sobre os braços da cadeira onde ela dormia, os seus olhos fixos no seu rosto angelical e pacífico, com cuidado ele acariciou, com os seus dedos, o rosto da amada até chegar ao seu longo cabelo loiro…ele suspirou e antes de se levantar, beijou a cabeça da rapariga e puxou o cobertor, que havia caído ligeiramente deixando os seus ombros expostos ao frio, para cima. Voltou para a sua cadeira, sentou-se e puxou o seu cobertor sobre o seu corpo. Deu um último olhar à pessoa que ele amava antes de fechar os olhos e juntar-se aos outros no sono profundo.

Os quatro anjos e os cinco demónios foram acordados, repentinamente, por um gritou…ou melhor dizendo, um guincho vindo de Dolce. Após recuperarem do susto e de fuzilarem com o olhar a anjo de cabelo rosa com o olhar, todos tentaram perceber qual o motivo da rapariga ter guinchado daquela maneira.

“Dolce mas o que é que se pa-“ começou a perguntar Miki mas foi interrompida por Dolce que estava com as mãos colocadas no vidro da janela e a olhar excitada para o lado de fora

“Estamos aqui!! Chegámos! Chegámos!! Estamos em Tóquio!!!” todos foram apanhados de surpresa por aquilo, os anjos olharam para o lado de fora, pelas suas janelas do seu lado, assim como os demónios. A cidade estava ainda escura, já se podia ver uma certa claridade no horizonte. Tal como Arkan e Temptel tinham indicado, o grupo havia chegado por volta das 6:00 da manhã e neste momento estavam a passar pela famosa Torre de Tóquio, podia-se ver as cores avermelhadas e alaranjadas que cobriam a torre, dando-lhe uma beleza incrível.

Os dois grupos sorriam quando viram a cidade, sabiam que um novo desafio e uma nova aventura estava prestes a chegar…

TBC…

Bom este é o capítulo 1, ainda tenho mais 14 capítulos já prontos! Mas digam-me o que acham deste primeiro capítulo...para quem não conhece os personagens, deixo aqui umas imagens deles:


Raf

Sulfus

Urie

Cabiria

Dolce

Kabale

Miki

Gas

Gabi

e a Misha

espero que tenham gostado do primeiro capítulo, em breve publico mais!
avatar
Eleanor_Devil
Austen
Austen

Histórias Publicadas : -----------

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum